Seu browser não suporta JavaScript!

Página Inicial » Notícias » asdPráticas inclusivas foram discutidas em Seminário do NAPNE

Práticas inclusivas foram discutidas em Seminário do NAPNE

quarta-feira, 11 de outubro de 2017 - 4:46 PM

Representantes da rede municipal e estadual de ensino, da rede de proteção social, servidoras(es) IFPR Campus Irati e de outros campi participaram do II Seminário do Núcleo de Atendimento a Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas – NAPNE do IFPR Campus Irati, realizado nos dias 9 e 10 deste mês. As discussões foram norteadas pelo tema “O contexto escolar e as práticas inclusivas”.

O seminário foi organizado pelo NAPNE do IFPR Campus Irati, com apoio do Núcleo Regional de Educação (NRE), Secretaria Municipal de Educação de Irati (SMED) e Departamento de Pedagogia da Unicentro Campus de Irati. Participaram da abertura do evento a Diretora Geral do IFPR Campus Irati Ana Cláudia Radis, o Diretor de Ensino Diego Dutra Zontini, a representante do NAPNE da Reitoria do IFPR Flavia Nunes Flores Hubie, e a Chefe do Núcleo Regional de Educação (NRE) Marisa Massa Lucas.

Para a psicóloga Thaysa Zubek Valente, coordenadora do NAPNE do IFPR Campus Irati, as discussões enfocaram “temáticas caras à educação, que precisam ser pautadas quando da proposição de práticas inclusivas dentro do ambiente escolar e a construção de uma educação que, de fato, inclua todas(os) em sua diversidade”.

Mesas-redondas mediadas pela pedagoga do IFPR Campus Irati Juliana Pinto Viecheneski, discutiram práticas de inclusão e exclusão na escola, a educação inclusiva na perspectiva dos direitos humanos e da cidadania, medicalização da vida e medicalização na educação, e experiências educacionais inclusivas na cidade de Irati. Tais atividades contaram com participação dos professores Sandra Lillian Zarpellon Passos (NRE), Juliano Peroza e Joaquim Jorge Monteiro de Morais (IFPR Campus Irati), Maria Amélia Ingles (Colégio Estadual Antonio Xavier da Silveira), Alexandre de Lucca (Unicentro), das psicólogas Thais Rodrigues dos Santos (Núcleo de Estudos e Defesa de Direitos da Infância e da Juventude de Irati), Bárbara Niero (Secretaria Municipal de Saúde de Mandaguaçu-PR), Monia Karine Azevedo (NAPNE do IFPR Campus Assis Chateaubriand), Teresa Cristina Magnabosco de Oliveira e a pedagoga Roseli Malach Marochi (ambas da SMED).

Oficinas de práticas pedagógicas inclusivas foram ministradas pelas professoras Miriam dos Santos Marconato (NRE), Angela Santos Macedo (CEEBEJA Guarapuava) e Adriane Meyer Vassão (Unicentro). A intérprete de LIBRAS e coordenadora do NAPNE do IFPR Campus Paranaguá, Lana Mara Gomes, proferiu palestra sobre distúrbios de audição fonêmica sob a perspectiva histórico-cultural.  “Os saberes e experiências compartilhados pelas(os) profissionais que participaram das mesas-redondas e oficinas se mostraram relevantes frente à necessidade de elaborar, potencializar ou revisar ações dentro da escola”, complementa Thaysa Valente.

 

 



Para acompanhar as notícias do IFPR em tempo real assine nosso Feed(RSS), ou siga nosso perfil no twitter.

Galeria de Imagens

« « Curso de Escrita Científica será realizado este mês   Curso de Licenciatura em Química abre vagas para professores da Educação Básica » »